Criar e Empreender

Para criarmos é essencial estarmos predispostos a isso e é fundamental estar com um espírito aberto e calmo para que a criatividade possa surgir naturalmente. Fala-se muito sobre o mindfulness e o mesmo pode ser aplicado na criação. Não tenho como objetivo principal desenvolver um produto final para a sua venda. Procuro sim, usar a criação como um passatempo e colocar toda uma paixão nessa peça.

Quando criei a Menta Lavanda era para dar a conhecer as minhas criações e quando a mesma passou para a fase seguinte, na verdade eu não estava preparada para desempenhar todas as funções a que um empreendedor deve estar propenso.

Estes dois anos que passaram foram essenciais para amadurecer e desenvolver este projeto de modo a estar mais ao encontro da minha vida pessoal. Prometo partilhar a minha evolução e o meu quotidiano de empreendedora para que possam perceber o que se passa por de trás de uma atividade artesanal.

Se a vontade de se lançarem falar mais alto e quiserem colocar as vossas criações à venda o quanto antes, não se esqueçam:

Devemos, acima de tudo estar conscientes das razões que nos levam a criar um projeto e direcionar os esforços nesse sentido.